Sociedade

PJ deteve suspeito da morte de homem que recusou casar filha menor

Escrito por Luís Martins

A Polícia Judiciária da Guarda deteve, na segunda-feira, o suspeito de ter baleado mortalmente um homem em Vila Nova de Foz Côa, no passado dia 5 de julho.

Segundo o Departamento de Investigação Criminal, o crime terá ocorrido «por motivos torpes, na sequência da dissolução de um casamento, envolvendo uma filha menor da vítima com apenas 13 anos de idade». O pai da menor tinha 39 anos e foi «surpreendido pelo ora detido na sua própria residência e aí atingido mortalmente com um disparo, que lhe causou morte imediata», recorda a PJ. Com 35 anos, o suspeito de homicídio qualificado já foi presente a tribunal, tendo ficado sujeito à medida de coação de prisão preventiva.

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta