Região

Plataforma pela Reposição das SCUT considera «insultuoso» afirmar que cidadãos beneficiam com novo regime de portagens

Escrito por Luís Martins

A Plataforma de Entendimento para a Reposição das Scut na A23 e A25 considera «insultuoso» afirmar que os cidadãos da Beira Interior irão beneficiar com mais emprego e oportunidades com o novo regime de portagens.

Esta tomada de posição surge após o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, ter anunciado na sexta-feira a redução de portagens para o transporte de mercadorias nas antigas Scut e um desconto adicional de 25 por cento para as empresas dos territórios de baixa densidade.

A Plataforma adianta, em comunicado, que o argumento do governante de que esta redução acrescida do desconto adicional vai levar à fixação de empresas, naqueles territórios, «é destituído de qualquer fundamento económico». «Esta Plataforma, representante da sociedade civil, revela que só o desconhecimento da situação em que os residentes vivem na região em que são obrigados a pagar para circular (pela inexistência de alternativas) permite este tipo de comentários sem nexo», reage o movimento que junta empresários, sindicatos e movimentos de utentes dos distritos da Guarda e Castelo Branco.

.

Sobre o autor

Luís Martins

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Ainda sem votos)
Loading...

Deixe comentário