Política

Assunção Cristas defende descontos nas portagens para os residentes no interior

Escrito por Luís Martins

A presidente do CDS-PP defendeu este domingo, na Guarda,  um estatuto fiscal para o interior do país, sublinhando que o mesmo deve incluir uma compensação para os residentes com descontos nas portagens.

«É preciso ter uma aposta na agricultura, no apoio aos agricultores, em particular estes que fazem vendas mais diretas, as chamadas cadeias curtas de distribuição, mas isso passa por uma aposta no mundo rural, na valorização do mundo rural, na valorização das pessoas que continuam a ocupar o nosso território», disse Assunção Cristas no final da visita à Feira Farta, que termina hoje.

Para tal, a líder centrista recordou que «uma das propostas muito fortes» do seu partido é «a criação de um verdadeiro estatuto de benefício fiscal para o interior».

O que significará que «as pessoas que trabalham e que vivem no interior, nomeadamente da agricultura, deverão pagar metade da taxa de IRS» e «se tiverem uma pequena empresa deverão pagar apenas 10 por cento de taxa de IRC».

Segundo Assunção Cristas, os residentes devem também ser «compensados pela interioridade através de descontos nas portagens e também nos títulos de transporte e nos custos com o transporte». 

Nesta visita, a líder do CDS-PP, que esteve acompanhada pelo cabeça-de-lista pelo distrito, Henrique Monteiro, entre outros candidatos e dirigentes locais, ouviu preocupações de agricultores que se queixaram das dificuldades sentidas no escoamento dos seus produtos.

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta