Desporto

Torre volta a ser final de etapa da Volta a Portugal

Escrito por Jornal O Interior

A Torre, o ponto mais alto de Portugal continental, volta este a ser final de etapa da Volta a Portugal em bicicleta.
A 81ª edição da principal prova velocipédica portuguesa vai decorrer de 31 de julho a 11 de agosto e terá 1.531 quilómetros de competição repartidos por dez etapas. A Volta começa com um prólogo em Viseu e terminará no Porto com um contrarrelógio individual. O pelotão chegará à Beira Interior a 3 de agosto na terceira etapa, de 194,1 quilómetros, entre Santarém e Castelo Branco. No dia seguinte os ciclistas terão pela frente a etapa rainha da prova com a ligação da Pampilhosa da Serra à Torre, no final de 145 quilómetros e cinco contagens de montanha. A escalada final pela vertente da Covilhã terminará no ponto mais alto da Serra da Estrela, o que não acontecia desde 2015, e promete fazer mossa na classificação. A 5 de agosto a Volta chegará à Guarda, meta da quinta etapa com 158 quilómetros desde Oliveira do Hospital e serpenteará pelas estradas da vertente norte da Estrela até à subida final para a chegada na cidade mais alta.
A Guarda foi escolhida este ano para o dia de repouso dos corredores depois do esforço despendido na serra. A pausa inclui um concerto de Ana Bacalhau na Praça Velha no dia 5 (22 horas) e no seguinte terá lugar uma etapa reservada aos cicloturistas, sendo esperados cerca de mil participantes. A partida está agendada para as 10 horas no Jardim José de Lemos e o pelotão amador terá pela frente 70 quilómetros de subidas e descidas nas estradas do concelho. A segunda parte da Volta começa a 7 de agosto com 189,2 quilómetros entre Torre de Moncorvo e Bragança, de onde sairá no dia seguinte a sétima etapa rumo a Montalegre (156,2 quilómetros). O pelotão ligará depois Viana do Castelo ao Monte de Sta. Quitéria, em Felgueiras (156,6 quilómetros), e Fafe a Mondim de Basto (133,5 quilómetros). A última tirada será um contrarrelógio individual de 19,5 quilómetros entre Vila Nova de Gaia e o Porto, sendo o vencedor de 2019 coroado na Avenida dos Aliados.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta