Sociedade

Guarda aposta forte na música este Verão e desiste da “Noite Branca”

Escrito por Luís Martins

Música, cinema, atividades desportivas, visitas encenadas ao centro histórico, assim vai ser a edição deste ano do “Verão em Alta”, programa de animação da Guarda entre julho e setembro. Do cartaz não consta a realização da “Noite Branca”.

«Este ano não há “Noite Branca” por causa da abrangência da programação do “Verão em Alta” e também porque decidimos reduzir em 10 por cento os custos da organização relativamente ao ano passado», justificou o presidente do município. Em contrapartida, Carlos Chaves Monteiro destacou o Festival de Blues da Guarda, que terá nomes sonantes, como The Legendary Tigerman, e que vai acontecer em palcos montados no Jardim José de Lemos, Largo João de Almeida, Rua do Comércio, Alameda de Santo André e Solar do Vinho da Beira Interior.

Há também grandes protagonistas no ciclo “Música nos Claustros”, no Paço da Cultura, onde vão atuar Selma Uamusse,  Júlio Pereira, Olive Tree Dance e X-Wife. Sessões de cinema ao ar livre, visitas encenadas ao centro histórico, o festival de folclore e um encontro de cavaquinhos são outras atividades agendadas. Em termos desportivos, os destaques vão para a passagem da Volta a Portugal pela cidade mais alta, a 5 e 6 de agosto, que inclui o concerto de Ana Bacalhau, e o campeonato regional de triatlo a 1 de setembro. 

O “Verão em Alta” termina a 7 de setembro com o Sunset 1056 na envolvente à Torre de Menagem. Saiba mais na próxima edição de  O INTERIOR. 

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta