Região

Espaço Cidadão e Balcão Único Municipal inaugurados em Almeida

Escrito por Jornal O Interior

A secretária de Estado da Inovação e Modernização Administrativa inaugurou na segunda-feira o Balcão Único Municipal e o Espaço Cidadão de Almeida, que vai disponibilizar 237 serviços públicos digitais de 18 entidades a uma população de 7.242 habitantes.
As duas estruturas funcionam no edifício dos serviços técnicos da autarquia, que também acolhe a repartição das Finanças e um atendimento personalizado da CGD. Na ocasião Fátima Fonseca afirmou que a rede de Espaços Cidadão é um modelo de sucesso, «que assenta nas pessoas, quer nos trabalhadores públicos que prestam o serviço, quer nos cidadãos que a ele recorrem e dele beneficiam». A governante sublinhou ainda a intervenção cada vez maior das autarquias locais no desenvolvimento destes «serviços de proximidade». A instalação do Espaço Cidadão de Almeida teve origem no protocolo celebrado entre o município e a Agência para a Modernização Administrativa (AMA), entidade responsável pelo equipamento do espaço, pela formação dos mediadores de atendimento e pelo apoio telefónico e operacional.
As instalações dispõem de quatro postos de atendimento e, entre os serviços prestados, está possibilidade de revalidar a carta de condução, pedir certidões de registo civil, obter a caderneta predial, entregar IRS (categorias A e H), marcar e cancelar consultas, alterar a morada do Cartão de Cidadão e pedir a Chave Móvel Digital. Já no Balcão Único do município há 120 formulários para resolver os mais diferentes assuntos. Para António Machado, presidente da autarquia, a abertura destes serviços demonstra que «a prioridade foram as pessoas, sobretudo aquelas com dificuldades em lidar com as novas tecnologias». O edil adiantou que Vilar Formoso também terá «brevemente» um Espaço Cidadão e Balcão Único Municipal, que funcionará na Junta de Freguesia. Atualmente existem no país mais de 600 Espaços Cidadão e o número de atendimentos já ultrapassa os 1,2 milhões de pessoas.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta