Cultura

Jorge Palma e Cuca Roseta no castelo de Trancoso

Escrito por Jornal O Interior

Jorge Palma e Cuca Roseta são os cabeças de cartaz da quarta edição do festival “Música no Castelo”, que decorre de sexta a domingo no recinto do castelo de Trancoso.
Organizado pelo município, o evento alia a música ao património para «atrair novos públicos e diversificar a oferta cultural do concelho». Cabe à prata da casa abrir as hostilidades esta sexta-feira. A partir das 21h30, o palco será da Academia de Música de Trancoso e depois do novo projeto de César Prata, natural da cidade, e de Vânia Couto. “Rezas, Benzeduras e outras Cantigas” foi buscar inspiração à música portuguesa de tradição oral e deu origem a um disco de treze temas. O álbum será lançado na ocasião e é editado pela Sons Vadios, com o apoio do município de Trancoso. Segue-se Cuca Roseta, uma das grandes vozes do fado contemporâneo, que apresenta o seu mais recente trabalho, intitulado “Luz”. A primeira noite termina com o projeto “Eu e os Outros”.
No sábado, os guardenses The Undercovers antecedem Jorge Palma. O cantautor está em digressão com o espetáculo “Expresso do Outono”, que celebra mais de 40 anos de carreira e combina sonoridades elétricas com outras, mais acústicas. O serão fecha com os também guardenses Prós e Contras. O festival termina durante a tarde de domingo com as atuações de Tiago e Mariana, finalistas do 1º concurso “Mostra o que Vales” realizado recentemente no La Vie Guarda, a Banda Polk e Berg, cantor e músico que se notabilizou no programa televisivo “Factor X”. Para o presidente da autarquia, «o espaço do centro histórico é uma grande mais valia do evento, que tem também um grande cartaz». Amílcar Salvador destaca a particularidade de reunir «grandes nomes da música nacional e bons artistas do concelho e da região». O edil tem expetativas elevadas e adianta que a organização espera «3.000 pessoas por noite» no castelo.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta