Sociedade

Mercado Municipal da Guarda reabre quarta-feira

Escrito por Sofia Craveiro

Contrariando o anteriormente noticiado por O INTERIOR, de que o Mercado deveria reabrir este sábado – segundo declarações de Sérgio Costa, vice-presidente da autarquia – Carlos Chaves Monteiro, esclareceu que a data prevista de reabertura será a próxima quarta-feira.

O Mercado Municipal da Guarda – que encerrou devido a um incêndio ocorrido na passada sexta-feira, dia 29 de novembro – deverá reabrir ao público na próxima quarta-feira, segundo informou o presidente da autarquia, Carlos Chaves Monteiro.

O edil afirmou a O INTERIOR que «esta é a data que temos prevista, do ponto de vista técnico, para que os espaços sejam novamente colocados à disposição dos comerciantes», após a conclusão dos trabalhos de reparação.

Recorde-se que o incêndio destruiu a área da charcutaria e zonas circundantes, tendo obrigado ao fecho do espaço para limpeza e peritagens. O município ponderou, após o incidente, montar uma estrutura temporária, mas desistiu devido aos custos e por ser moroso.

Agora, segundo Carlos Chaves Monteiro, «a parte acidentada está vedada, mas na zona da peixaria – onde há três comerciantes – temos ainda uma grande área por ocupar, e por isso vamos “realojar” os seis comerciantes mais afetados pelo incêndio nesse espaço que está disponível », declarou o edil, que pretende assim dar uma alternativa aos comerciantes afetados, para que possam continuar abertos ao público.

Após a avaliação dos estragos causados e o que está agora em causa «é a lavagem dos tetos e paredes», segundo o autarca, que revelou que embora a maioria dos comerciantes tenha assumido não possuir seguro ativo dos bens ali colocados, «o município tem um seguro que abrange o edifício e que estou a tentar saber se inclui ainda algum do recheio do mercado municipal», afirmou.

De resto, segundo o que O INTERIOR apurou, a parte criminal está em segredo de justiça, não sendo conhecidas causas ou responsáveis pelo sucedido.

Sobre o autor

Sofia Craveiro

Deixar uma resposta