Política

PS obtém vitória curta no distrito da Guarda

Escrito por Luís Martins

O PS também venceu no distrito da Guarda, com 34,7 por cento dos votos, mas a vitória foi mais curta relativamente ao PSD, que obteve 30,54 por cento.

Com todas as 242 freguesias apuradas, o Bloco de Esquerda foi igualmente o terceiro partido mais votado, com 7,35 por cento, à frente do CDS-PP (5,99 por cento), da CDU (3,17) e do PAN (2,42). O partido Aliança ficou-se pelos 1,64 por centos sufrágios e a coligação PPM.PPV/ CDC conseguiu 1,38 por cento.

Com menos de um por cento dos votos ficaram os restantes partidos e coligações candidatas a estas eleições, que se saldaram no distrito da Guarda com uma taxa de abstenção de 66,96 por cento. Destaque também a dimensão dos votos em branco (4,42 por cento) e nulos (3,88 por cento).

Por concelhos, os socialistas ganharam na Guarda com 32,24 por cento dos votos, enquanto o PSD ficou-se pelos 29,45 por cento, sinal de que a candidatura de Álvaro Amaro com quinto elemento da lista social-democrata não foi mobilizadora.

No total distrital, o PS foi avassalador e venceu em dez municípios: Celorico da Beira (36,6 por cento), Figueira de Castelo Rodrigo (40,76), Fornos de Algodres (38,58), Gouveia (36,42), Manteigas (39,69), Sabugal (34,95), Seia (38,42), Trancoso (37,39) e Vila Nova de Foz Côa (35,04).

O PSD ganhou nos restantes quatro: Aguiar da Beira (38,91), Almeida (34,95), Mêda (30,78) e Pinhel (38,53).

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta