Economia

Câmara da Guarda apoia potenciais investidores com incentivos fiscais e financeiros

Escrito por Luís Martins

O município da Guarda apresentou esta quinta-feira o “Guarda Investe”, o Regulamento Municipal de Concessão de Incentivos ao Investimento, e o Gabinete de Desenvolvimento Estratégico e Apoio ao Investimento e Empreendedorismo, que será coordenado por Maria Manuela Gaspar.

O regulamento destina-se a apoiar a fixação de empresas e a criação de postos de trabalho através, nomeadamente, de incentivos fiscais (IMI, IMT e taxas municipais) e financeiros não reembolsáveis. A autarquia vai conceder um apoio ao investimento até ao limite de 5.000 euros e à criação de emprego até ao limite de 7.500 euros.

No âmbito desta iniciativa foi também apresentado o concurso de empreendedorismo “Guarda Forte” para projetos inovadores e a nova plataforma online de apoio ao investidor.

Quanto ao Gabinete de Desenvolvimento Estratégico e Apoio ao Investimento e Empreendedorismo terá «carta branca para ir à procura de investidores», disse Álvaro Amaro na sessão realizada na sala da Assembleia Municipal. Maria Celeste Marques e Cristóvão Antunes completam a estrutura criada no seio da autarquia.

Na ocasião foram também assinados onze contratos de incentivos ao investimento, ao abrigo do Regulamento de Projetos de Investimento de Interesse Municipal – PIIM. Saiba mais na próxima edição de O INTERIOR.

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta