Sociedade

Câmara da Guarda poderá intervir no local do despiste de carrinha do Aguiar da Beira

Escrito por Luís Martins

O presidente da Câmara da Guarda admitiu esta segunda-feira a possibilidade do município intervir no local onde, no domingo, ocorreu o despiste da carrinha que transportava parte da equipa sénior do Aguiar da Beira.

No final da reunião quinzenal do executivo, Carlos Chaves Monteiro disse aos jornalistas que «sempre que num local os índices de acidentes sejam elevados, os serviços camarários vão intervir e pensar em medidas de segurança especiais».

O despiste ocorreu na Estrada Municipal 557, junto à localidade do Alvendre, num acesso à A25. «A Câmara está a avaliar e vai tomar as medidas adequadas no local para que estes acidentes não ocorram, ou para que seja minimizado esse risco», acrescentou o autarca.

Entre as medidas a ponderar estão «correções de via, sinalização melhorada ou criadas condições de abrandamento da velocidade, se for o caso», enumerou Chaves Monteiro, que esteve no local do acidente .

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta