Região

Valhelhas, Loriga e Lapa dos Dinheiros com Bandeira Azul

Escrito por Jornal O Interior

Já são conhecidas as praias galardoadas com a Bandeira Azul. As praias fluviais de Valhelhas (Guarda), Loriga e Lapa dos Dinheiros (ambas no concelho de Seia) foram novamente distinguidas pela sua qualidade.
Este ano, uma das três cerimónias nacionais de atribuição da Bandeira Azul irá decorrer em Valhelhas a 5 de junho. Segundo a Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), Valhelhas, situada no curso do rio Zêzere, conquista o galardão há dez anos consecutivos e Loriga, na ribeira homónima, desde 2012. Já a praia fluvial da Lapa dos Dinheiros aproveita a ribeira da Caniça, um afluente do rio Alva, e vai hastear este símbolo da qualidade ambiental pelo terceiro ano consecutivo. Todas estas zonas balneares estão integradas no Parque Natural da Serra da Estrela (PNSE). A Bandeira Azul é atribuída anualmente às praias e portos de recreio que cumpram critérios como a informação e educação ambiental, qualidade da água, gestão ambiental e equipamentos e segurança e serviços.
Este ano a região Centro possui 16 praias fluviais com Bandeira Azul, mais uma do que no ano passado. Já no país haverá 352 praias oceânicas e fluviais distinguidas – mais 20 relativamente a 2018. O Algarve é a região com o maior número de Bandeiras Azuis (88), seguida da região Norte (75). Segundo a ABAE, Portugal é o país da União Europeia com maior percentagem de praias com Bandeira Azul. A época balnear nas praias fluviais de Valhelhas, Loriga e Lapa dos Dinheiros começa a 1 de julho.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixe comentário