Cultura

Vitorino canta António Menano em Fornos de Algodres

Escrito por Jornal O Interior

Para evocar os 50 anos da morte de António Menano, o município de Fornos de Algodres convidou Vitorino para cantar um dos grandes músicos portugueses. O concerto acontece esta sexta-feira (21h30) no jardim municipal e tem entrada livre.
O espetáculo, especialmente concebido para o “Correntes de um só rio”, é baseado na rica e diversificada carreira do ilustre fornense, que inclui repertório de fado de Coimbra, canção tradicional portuguesa, fado de Lisboa ou o tango. António Menano nasceu em Fornos de Algodres a 5 de maio de 1895 e cedo se destacou pela sua voz de tenor. Foi irmão de Francisco Menano, também compositor e cultor do fado de Coimbra e viria a ser conhecido em todo o país através dos numerosos discos que gravou. Foi médico na sua terra natal, mas nunca se desligou do meio artístico e académico. Em 1933 abandonou a carreira artística e partiu voluntariamente para Inhaminga, em Moçambique, para exercer medicina, regressando definitivamente a Portugal em 1961. Faleceu a 11 de setembro de 1969, em Lisboa.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta