Sociedade

Voluntários requalificaram sede de escuteiros

Escrito por Jornal O Interior

Uma ação de intervenção na sede do Agrupamento de Escuteiros 1402 de São Miguel, na Guarda-Gare, decorreu na sexta-feira com o objetivo de requalificar e melhorar as condições do imóvel.
Um grupo de «colaboradores-voluntários» do grupo Montepio juntou-se para recuperar as instalações, que estão «agora em melhores condições», disse Manuel Marques, chefe daquele agrupamento. O responsável recordou que este grupo de escuteiros tem menos de um ano e que «quanto melhor o estado da nossa sede, menos tempo teremos de dispensar a arranjá-la, o que se traduz em mais tempo disponível para atividades com as crianças do nosso agrupamento». A intervenção foi desenvolvida no âmbito da 7ª edição do Voluntariado Corporativo do Grupo Montepio, em colaboração com a ADM Estrela.
Presente na iniciativa, Idália Serrão, administradora da Associação Mutualista Montepio, afirmou que este projeto acontece desde 2007, tendo contribuído para ajudar diversas entidades e associações a nível nacional. A responsável adiantou que «as necessidades das comunidades são identificadas por gestores mutualistas, pelos funcionários dos balcões e colaboradores em geral, que, estando no terreno, através dos seus contactos e relações comerciais, detetam quais as ações necessárias». Neste caso, a intervenção da ADM Estrela foi decisiva, agradeceu Manuel Marques. Além da requalificação do edifício, a ação implica ainda a criação de um grupo de trabalho «destinado ao desenvolvimento conjunto de projetos futuros», de acordo com a organização. Os parceiros locais deste projeto da mutualista são, além da ADM Estrela e do Agrupamento de Escuteiros, o Instituto Politécnico da Guarda.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta