PS Guarda

Escrever numa nota de imprensa que a candidata a deputada pela Guarda vai descer o rio Douro para ver as gravuras rupestres é um erro de palmatória imperdoável para a candidatura socialista liderada por Ana Mendes Godinho. O lapso foi depois corrigido por alguém mais atento, num segundo comunicado, onde já se lê rio Côa, mas não deixa de ser sintomático de algum desfasamento da realidade do distrito. Ou então foi mesmo pura ignorância de quem faz a comunicação da candidatura.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta