Sociedade

Pulseira eletrónica por violência doméstica em Trancoso

Escrito por Sofia Craveiro

Um homem de 61 anos foi ontem detido por violência doméstica em Trancoso.

A GNR apurou que «o suspeito exercia violência física, psicológica e ameaças de morte sobre a sua esposa, de 58 anos», no âmbito de uma investigação que decorria há cinco dias.

O Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas (NIAVE) do Comando Territorial da Guarda deu então cumprimento a um mandato de detenção, tendo o suspeito sido presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal Judicial da Comarca de Trancoso.

Foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contacto com a vítima e de aproximação da sua residência, sendo o sujeito controlado através de pulseira eletrónica.

Sobre o autor

Sofia Craveiro

Deixar uma resposta