Sociedade

Cardeal José Saraiva Martins é nome de avenida na Guarda

Escrito por Jornal O Interior

A Avenida Cardeal José Saraiva Martins foi inaugurada na sexta-feira na antiga estrada do Rio Diz, na Guarda. A cerimónia contou com a presença do prelado, que disse sentir um «misto de sentimentos» com esta homenagem.
«O nome desta rua não encerra apenas uma biografia, nele estão também os valores profundos que recebi da minha família», disse D. Saraiva Martins, que agradeceu o «afeto e apreço» que a cidade sempre lhe deu. «Vejo também nesta rua o sentido comunitário, a força poderosa das grandes convicções e o clima humano e social favorável à fé», acrescentou o antigo prefeito da Congregação para as Causas dos Santos da Santa Sé. Por sua vez, Carlos Chaves Monteiro, presidente do município, declarou que a atribuição do nome do prelado a uma avenida é «um reconhecimento pequeno perante a elevação dos atos do cardeal Saraiva Martins», que «nunca esqueceu as suas origens e a sua cidade». O edil reconheceu que para se ser «um grande homem não conta a circunstância do nosso nascimento», tendo considerado que o cardeal Saraiva Martins foi «uma pessoa que marcou o seu tempo» e é um «grande guardense», cujos lemas são «caridade, humildade e conhecimento».
Nascido nos Gagos do Jarmelo, no concelho da Guarda, há 87 anos, José Saraiva Martins é Cidadão de Honra da Guarda e prefeito emérito da Congregação para as Causas dos Santos da Santa Sé. Está em Roma desde os 17 anos, sendo o cardeal português que há mais tempo está na cúria romana. Na cerimónia marcaram presença os bispos da Guarda, D. Manuel Felício; de Aveiro, D. António Moiteiro; de Viseu, D. António Luciano; e o Arcebispo Emérito de Évora, José Sanches Alves, assim como o embaixador de Portugal junto da Santa Sé, António de Almeida Lima.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta