Política

PS quer «ouvir a Guarda» para se preparar para as autárquicas de 2021

Escrito por Luís Martins

A concelhia da Guarda do PS revelou esta sexta-feira os coordenadores dos grupos de trabalho que vão «ouvir a sociedade da Guarda e com ela produzir um caderno de propostas que influencie os programas eleitorais», disse Agostinho Gonçalves.

A iniciativa “Ouvir a Guarda. Influenciar o país” foi apresentada no auditório do Paço da Cultura, onde o líder da secção local do PS sublinhou que «só ouvindo se decide bem». Manuel Santos (Agricultura, Floresta e Ambiente), Conceição Santos (Ação Social), Hugo de Carvalho (Gestão, Administração Autárquica), Tatiana Fonseca (Educação), Joaquim Carreira (Planeamento e Urbanismo), Rui Pedro Ribeiro (Economia, Emprego e Inovação), Nélia Faria (Saúde) e João Almeida Santos (Cultura, Património e Turismo) são os coordenadores escolhidos para «ouvir a Guarda». Saiba mais na próxima edição de O INTERIOR.

Sobre o autor

Luís Martins

Deixe comentário