Arquivo

113 operacionais combatem fogo em Matança

Cento e treze operacionais estão a combater um incêndio na zona de Matança, no concelho de Fornos de Algodres, que está a consumir mato desde as 15h43.

No terreno, os voluntários estão a ser apoiados por 28 veículos e sete meios aéreos. O distrito da Guarda está em alerta vermelho, o mais grave de quatro níveis, devido ao aumento do risco de incêndio rural provocado pelo calor esperado para os próximos dias.

Segundo a Autoridade nacional de Proteção Civil (ANPC), este alerta vigora também para Aveiro, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Leiria, Porto, Portalegre, Santarém, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.

Simultaneamente, a ANPC elevou para nível laranja de alerta – o segundo mais grave – os distritos de Beja, Évora, Faro, Lisboa e Setúbal. No domingo, tinha sido decretado o estado de alerta especial laranja para sete distritos do norte do país: Viana do Castelo, Vila Real, Bragança, Braga, Porto, Guarda e Viseu.

A ANPC lembra que o período crítico de incêndios foi prolongado até 15 de outubro e que, até lá, devem ser asseguradas medidas preventivas, não sendo permitida a realização de queimadas, fogueiras para recreio ou lazer ou para confeção de alimentos, ou queimar matos. Estão ainda proibidos o lançamento de qualquer tipo de foguetes, fumar ou fazer lume nos espaços florestais e vias que os circundem.

Há também alguns cuidados a ter na realização de trabalhos agrícolas e florestais, nomeadamente na utilização de máquinas e equipamentos, evitando a sua utilização nos períodos de maior calor. Numa nota entretanto divulgada pelo Ministério da Administração Interna, o Governo adianta que a declaração da situação de alerta nos 13 distritos estará ativa entre as 18 horas desta segunda-feira e as 23.59 horas de quarta-feira (dia 3).

Sobre o autor

Deixar uma resposta