Câmara da Guarda

Escrito por Jornal O Interior

O incêndio que deflagrou no passado dia 30 de novembro, no Mercado Municipal da Guarda, pode – felizmente – não ter causado muitos prejuízos no equipamento, mas criou um problema gravíssimo aos comerciantes: o encerramento por, pelo menos, uma semana do mercado na quadra natalícia. A autarquia tão solicita noutros contextos – e que, tão habitualmente recorre ao aluguer de tendas e outras estruturas amovíveis – optou por não o fazer. Para os comerciantes representa um prejuízo, para os consumidores implicará uma mudança de hábitos, porventura muito para além do encerramento do mercado, num tempo em que as grandes superfícies dominam a venda de produtos alimentares.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta