Última Hora | RSS RSS | Arquivo | Ficha Técnica | Classificados | Inquéritos | Fórum | Futebol | Tempo | Farmácias | Publicidade | Newsletter | Pesquisa Avançada | Contactos | Área de Assinantes
Edição de 16-08-2018
Pesquisa:

Arquivo: Edição de 09-08-2018

Secção: Opinião

Istambul: novamente no mapa
Tempo de leitura: 3 m
 
Bookmark and Share
Aumentar Tipo de LetraDiminuir Tipo de Letra

foto
 Clique na imagem para a aumentar.
Visitei Istambul no início de 2016, numa altura em que o risco de atentados terroristas era elevado. Aliás, uma semana depois da minha visita ocorreu um atentado contra turistas numa das zonas mais movimentadas da capital – onde, naturalmente, também eu havia estado. No entanto, a estabilidade parece ter voltado ao país e à cidade, razão pela qual recomendo vivamente uma visita a Istambul.

Algo que me surpreendeu nesta cidade foram as semelhanças de Istambul com Lisboa. Em primeiro lugar, o sol, as colinas e as construções não deixam de nos recordar a nossa capital, impressão que, aliás, descobri partilhar com outras pessoas. Em segundo lugar, e nisto também se aproxima dos portugueses, a calorosa receção e o afável acolhimento dos seus habitantes – habitualmente, nas lojas, os vendedores servem chá e outras iguarias enquanto deambulamos lá dentro; numa das vezes, vi-me mesmo obrigada a partilhar o almoço com o dono de uma loja e o seu amigo, que insistiram que havia de me sentar e merendar com eles.

Istambul é conveniente, pois há voos diretos de Portugal. Os preços são acessíveis e a comida maravilhosa: a dúvida residia sempre no que escolher, tal a variedade de opções e a excelente apresentação de todos os pratos. Outro ponto a favor, para quem gosta, é o facto da cidade ser visitável a pé entre muitas das suas atracões, o que é bom para sentir a cidade e as pessoas.

Istambul não precisa de muito tempo para ser visitada, se quisermos apenas focar-nos nas atracões principais, por isso, aproveitar um fim-de-semana prolongado para visitar a cidade permite trazer o essencial do local.

Entre as atracões e atividades a não perder, recomendo:

- O Grand Bazaar: um mercado coberto, dos maiores e mais antigos de todo o mundo, onde é possível encontrar todos os produtos turcos típicos, desde bijuteria, a especiarias, chás e frutos secos;

- Torre de Gálata (Galata Tower): torre medieval, ícone da cidade, situada na outra margem do Bósforo, de onde é possível contemplar Istambul e os seus majestosos monumentos em todo o seu esplendor;

- Banho turco: recomendo o banho turco, um misto de massagem e banho, caracterizado pelas altas temperaturas e vapores, alternados com águas frias; estão disponíveis a cada esquina;

- Passeio de barco pelo Bósforo: fazer um passeio de barco pelo Bósforo é uma atividade a ter em conta; a oferta é muita, quer em termos de preços, quer em termos de duração; é excelente para ter uma outra panorâmica privilegiada da cidade.

No mais, aproveite todos os majestosos monumentos e os variadíssimos espetáculos culturais, tudo isto regado com bons acepipes da cozinha tradicional turca. Eu, é para lá que sigo novamente em setembro.

Também vai? Boa viagem!

Joana Dente*

* @pitangaboss

Jurista / Makeup Artist / Fashion Stylist


Votar:
Resultado:
50 Votos
Imprimir Artigo
Enviar por Email
Comentário Privado
Comentário Publico
Adicionar Favoritos

Diga o que pensa sobre este artigo. O seu comentário será publicado online após aprovação da redacção.

Comentários Nome
Email
Código de VerificaçãoInsira os algarismos da figura
Anónimo
MEO Kanal 401262
© 2009 O Interior | Rua da Corredoura, 80 - R/C Direito C - 6300 Guarda | Telefone geral: 271 212 153 - Publicidade: 271 227 349 - fax: 271 223 222
Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.