Última Hora | RSS RSS | Arquivo | Ficha Técnica | Classificados | Inquéritos | Fórum | Futebol | Tempo | Farmácias | Publicidade | Newsletter | Pesquisa Avançada | Contactos | Área de Assinantes
Edição de 20-09-2018
Pesquisa:

Arquivo: Edição de 08-03-2018

Secção: Desporto

Serranos não ganham há seis jogos na IIª Liga e pela primeira esta época perderam os três últimos encontros
Benfica B derrota Sp. Covilhã e agudiza crise dos serranos
Tempo de leitura: 2 m
Bookmark and Share
Aumentar Tipo de LetraDiminuir Tipo de Letra

Encarnados foram mais eficazes e determinados no Santos Pinto
Encarnados foram mais eficazes e determinados no Santos Pinto  Clique na imagem para a aumentar.
O Benfica B surpreendeu o Sp. Covilhã em casa no domingo ao vencer por um claro 3-1 na 27ª jornada da IIª Liga. Com este resultado os serranos caíram para o 13º lugar e estão em crise, pois não ganham há seis jogos, tendo perdido os últimos três encontros.

As duas equipas estavam em igualdade pontual na classificação, com 35 pontos, e protagonizaram uma primeira metade disputada e equilibrada, mas com um futebol pouco vistoso, faltando acutilância na frente. Numa tarde de chuva intensa, os locais abriram o marcador aos 7’, quando Renato Reis bateu um canto e o central Joel Vital, no coração da área, saltou mais alto do que os adversários e cabeceou para o golo. Aos 15’ os encarnados empataram, também na sequência de um canto. Igor Rodrigues travou a primeira investida, mas após uma jogada de insistência, a bola sobrou para Zé Gomes que, sem oposição, rematou rasteiro. Pouco depois foi Lystcov, no seguimento de um livre, que cabeceou ao lado. Na outra baliza Seidi, servido por Renato Reis, viu Florêncio Luís fazer o corte no limite. Antes do intervalo, Renato Reis, numa iniciativa individual, obrigou Fábio Duarte a aplicar-se.

Após o reatamento, o Covilhã surgiu mais mais agressivo e a criar várias vezes perigo junto da área do Benfica. Aos 47’ Renato Reis, em velocidade pela direita, viu Fábio Duarte defender para canto. Aos 66’ foi Seidi a fazer a bola rasar o poste depois de sofrer um desvio. Aos 74’, os serranos deixaram escapar uma ocasião soberana para se colocarem novamente em vantagem porque Renato Reis, sozinho frente a Fábio Duarte, foi perdulário e rematou por cima. Como quem não marca sofre, pouco depois o Benfica B sentenciou o jogo em dois minutos. Aos 81’, Chrien serviu Lystcov, cujo cabeceamento fez a bola passar por baixo de Igor Rodrigues e dois minutos depois foi Gedson a aproveitar um mau alívio de Joel para marcar num remate em arco, perante a passividade da defesa do Covilhã.


Votar:
Resultado:
55 Votos
Imprimir Artigo
Enviar por Email
Comentário Privado
Comentário Publico
Adicionar Favoritos

Diga o que pensa sobre este artigo. O seu comentário será publicado online após aprovação da redacção.

Comentários Nome
Email
Código de VerificaçãoInsira os algarismos da figura
Anónimo
MEO Kanal 401262
© 2009 O Interior | Rua da Corredoura, 80 - R/C Direito C - 6300 Guarda | Telefone geral: 271 212 153 - Publicidade: 271 227 349 - fax: 271 223 222
Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.