Última Hora | RSS RSS | Arquivo | Ficha Técnica | Classificados | Inquéritos | Fórum | Futebol | Tempo | Farmácias | Publicidade | Newsletter | Pesquisa Avançada | Contactos | Área de Assinantes
Edição de 21-09-2017
Pesquisa:

Arquivo: Edição de 07-09-2017

Secção: Política

Propostas do Bloco de Esquerda privilegiam também as políticas ambientais e educativas, bem como a reabilitação urbana e a criação de emprego
Jorge Mendes aposta nas políticas sociais e na transparência
Por: Luis Martins
Tempo de leitura: 3 m
Bookmark and Share
Aumentar Tipo de LetraDiminuir Tipo de Letra

Se for eleito, Jorge Mendes (com Catarina Martins) também tenciona baixar o IMI mas para 0,30 por cento
Se for eleito, Jorge Mendes (com Catarina Martins) também tenciona baixar o IMI mas para 0,30 por cento  Clique na imagem para a aumentar.
O Bloco de Esquerda (BE) quer ser uma «força decisiva» para a abertura de um novo ciclo autárquico na Guarda. Quem o diz é o candidato Jorge Mendes, que apresentou o seu programa eleitoral na noite de segunda-feira no TMG.

Para o antigo presidente do Instituto Politécnico, o critério do êxito de uma governação autárquica «não pode ser o da quantidade de betão que contrata, nem o da quantidade de festas e eventos que realiza, mas a satisfação dos direitos das pessoas, da sustentabilidade ambiental, da participação cidadã nas decisões e na vida da comunidade». Por isso, as suas propostas privilegiam as políticas sociais, ambientais e educativas, mas também a reabilitação urbana e a criação de emprego. Se for eleito, Jorge Mendes também tenciona baixar o IMI mas para 0,30 por cento e apostará na concretização da Alameda da Ti’Jaquina e da variante à Sequeira. E defenderá a deslocalização do quartel da GNR, junto ao TMG, cujo espaço pretende aproveitar para criar um centro multiusos. A candidatura do BE compromete-se a aplicar um orçamento de base zero para que «cada serviço da autarquia, cada entidade financiada, justifique as suas despesas em função dos seus objetivos e do programa a cumprir e não em função do orçamento do ano anterior».

Será ainda criada a figura do Provedor do Munícipe e, na área da educação, Jorge Mendes tenciona avançar com um novo centro escolar para a zona da Póvoa do Mileu, Bairro do Pinheiro e Bairro da Luz. Outra das propostas do Bloco são criar o Museu da Emigração e um «museu vivo», com apoio de privados, para mostrar a vida no concelho da Guarda desde o século XIX. Um Observatório Social do Concelho, implementar os programas “Guarda Feliz”, de combate à exclusão social, e “Guarda Verde”, para melhorar o desempenho ecológico do concelho, são outras medidas. Jorge Mendes quer ainda criar uma Agência Municipal de Arrendamento para a gestão do património subutilizado, recuperar o centro histórico da cidade, conceber e implementar o projeto “Guarda Cidade Bioclimática”, disponibilizar um Gabinete de Empreendedorismo e estabelecer uma rede de mercados locais.

Presente na sessão, Catarina Martins sublinhou que «nada está decidido à partida» e apelou à mobilização dos guardenses que não se revêm nas políticas levadas a cabo nos últimos anos. «A presença do Bloco na Câmara da Guarda fará toda a diferença. Se está a fazer diferença no país, seguramente que será capaz de fazer o mesmo na Guarda», afirmou a coordenadora do BE. A dirigente constatou que, por cá, a alternância entre PS e PSD na Câmara «não tem trazido alternativa. Temos rotinas a mais e soluções a menos, e precisamos seguramente de novas soluções tanto para os velhos problemas, como para os novos, caso dos desafios ambientais e do envelhecimento populacional». Catarina Martins disse também que, na Guarda, sente-se «claramente uma pressão, um sufoco, por parte do poder instituído que é antidemocrática e não é aceitável em pleno século XXI». Na sua opinião, as autarquias precisam de ser «um sítio de direitos e obrigações».


Votar:
Resultado:
40 Votos
Imprimir Artigo
Enviar por Email
Comentário Privado
Comentário Publico
Adicionar Favoritos

Diga o que pensa sobre este artigo. O seu comentário será publicado online após aprovação da redacção.

Comentários Nome
Email
Código de VerificaçãoInsira os algarismos da figura
Anónimo
MEO Kanal 401262
© 2009 O Interior | Rua da Corredoura, 80 - R/C Direito C - 6300 Guarda | Telefone geral: 271 212 153 - Publicidade: 271 227 349 - fax: 271 223 222
Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.