Última Hora | RSS RSS | Arquivo | Ficha Técnica | Classificados | Inquéritos | Fórum | Futebol | Tempo | Farmácias | Publicidade | Newsletter | Pesquisa Avançada | Contactos | Área de Assinantes
Edição de 11-10-2018
Pesquisa:

Arquivo: Edição de 05-11-2015

Secção: Sociedade

Implementado em 2009, projeto garante maior cobertura de cuidados de enfermagem de reabilitação no Hospital Sousa Martins, da Guarda
Ordem dos Enfermeiros atribui menção honrosa ao “Reabilitar +”
Tempo de leitura: 2 m
Bookmark and Share
Aumentar Tipo de LetraDiminuir Tipo de Letra

Iniciativa foi desenvolvida pelas enfermeiras Paula Rocha, Cristina Cunha e Gina Monteiro
Iniciativa foi desenvolvida pelas enfermeiras Paula Rocha, Cristina Cunha e Gina Monteiro  Clique na imagem para a aumentar.
O projeto “Reabilitar +”, implementado no Hospital Sousa Martins, na Guarda, e que consiste numa maior cobertura de cuidados de enfermagem de reabilitação, foi galardoado com uma menção honrosa no concurso “Cuidar”, promovido pela Secção Regional do Centro da Ordem dos Enfermeiros.

A distinção, a que corresponde um valor pecuniário de 500 euros, foi entregue durante o colóquio “Cuidar’15”, que se realizou na sexta-feira em Condeixa-a-Nova (Coimbra), culminando um desafio que visou «incentivar, contribuir e promover o desenvolvimento e valorização científica de projetos de melhoria da qualidade no âmbito dos cuidados de enfermagem da região Centro». Iniciado em 2009, o “Reabilitar +” já tinha vencido o concurso “Cuidar 12”, com a atribuição do Prémio de Excelência. O objetivo é assegurar a continuidade dos cuidados de enfermagem de reabilitação aos fins-de- semana e feriados no Hospital da Guarda, garantindo, nalguns casos, um início mais precoce do programa de reabilitação. O projeto foi um dos nove finalistas do concurso “Cuidar”, tendo sido desenvolvido por Paula Rocha, Cristina Cunha e Gina Monteiro, enfermeiras especialistas de reabilitação do Sousa Martins, da Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda.

As promotoras consideram que, «com esta distinção, foi dada visibilidade ao exercício profissional da enfermagem e reafirmada a preponderância destes profissionais nos serviços de saúde». A iniciativa vencedora foi um sistema de controlo de ganhos em saúde e uma intervenção padronizada nas consultas de saúde materna, realizado por 16 enfermeiras nas 12 unidades funcionais dos centros de saúde de Estarreja, Murtosa e Ovar (Baixo Vouga), que receberam um prémio de 2.000 euros. Além do “Reabilitar +”, também o projeto “Cuidar de Quem Cuida”, de Oliveira de Azeméis, que se centrou no apoio aos cuidadores de doentes com demência ou pós AVC, foi galardoado com uma menção honrosa.


Votar:
Resultado:
50 Votos
Imprimir Artigo
Enviar por Email
Comentário Privado
Comentário Publico
Adicionar Favoritos

Diga o que pensa sobre este artigo. O seu comentário será publicado online após aprovação da redacção.

Comentários Nome
Email
Código de VerificaçãoInsira os algarismos da figura
Anónimo
MEO Kanal 401262
© 2009 O Interior | Rua da Corredoura, 80 - R/C Direito C - 6300 Guarda | Telefone geral: 271 212 153 - Publicidade: 271 227 349 - fax: 271 223 222
Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.