Última Hora | RSS RSS | Arquivo | Ficha Técnica | Classificados | Inquéritos | Fórum | Futebol | Tempo | Farmácias | Publicidade | Newsletter | Pesquisa Avançada | Contactos | Área de Assinantes
Edição de 20-07-2017
Pesquisa:

Arquivo: Edição de 16-07-2005

Secção: Opinião

Saliências
Alguns amigos e a artez
Tempo de leitura: 2 m
Bookmark and Share
Aumentar Tipo de LetraDiminuir Tipo de Letra

Há mais de dez anos que me enfeitiçou a ideia de promover o talento de alguns. Se fosse milionário gastava fortunas nesta actividade que me consumiria tempo e canseiras. Há gente complicada em todos os ramos e o do talento é o mais complexo pois vive da subjectividade total. Eu gosto porquê? Gosto se há uma boa técnica a suportar as ideias, gosto se há profissionalismo, exigência, acções gratuitas que engrandecem só para prazer de quem se expõe. Gosto depois destas premissas, porque gosto e já está. Gostar é seco, é cru e simples. Pode-se educar o gosto e burilar o conhecimento, mas há coisas de que se gosta só porque se identificam connosco. Foi assim que gostei do Baldomero Moreiras, um pintor galego que vai crescendo na sua busca incessante por uma linguagem e uma expressão. Tenho vários quadros do Moreiras que actualmente estiliza a Galiza que tanto ama. Há cores vivas, cuidados, delicadeza e um discurso plástico que me atrai. A Maria Toscano canta lindamente, com uma voz única, a dela que não trocava por outra e tem um palco que é o seu alter ego. Explode na boca de cena. Assim chamei o João Mascarenhas e juntei dois talentos. Agora sonho com o 15 de Setembro, onde os dois se expõem na Guarda e onde juntaria uma capa de Baldomero e um texto interessante de pessoa ainda não identificada e zás, uma obra a lançar para o futuro. Isto tudo é um mundo que percorre o meu sangue. Agora tenho a artez a injectar as ideias. A artez é a empresa que surgiu a 3 de Junho na festa de lançamento de um livro com as minhas crónicas e onde se expôs o Moreiras por amizade comigo. Foi uma noite alegre. O Somália esteve de dj e a Daniela cantou lindamente. A artez é uma empresa de serviços médicos e uma produtora de arte. De artz – médico e arte, entendido agora?

Não posso deixar de agradecer ao Carlos Magalhães os primeiros contratos que tudo estão a permitir. Agradecer à França Rocha os esclarecimentos contabilísticos, ao Filipe Barreiros a tecnologia e aos muitos amigos que me aparam os sonhos e me dão alegria.

Por: Diogo Cabrita


Votar:
Resultado:
116 Votos
Imprimir Artigo
Enviar por Email
Comentário Privado
Comentário Publico
Adicionar Favoritos

Diga o que pensa sobre este artigo. O seu comentário será publicado online após aprovação da redacção.

Comentários Nome
Email
Código de VerificaçãoInsira os algarismos da figura
Anónimo
MEO Kanal 401262
© 2009 O Interior | Rua da Corredoura, 80 - R/C Direito C - 6300 Guarda | Telefone geral: 271 212 153 - Publicidade: 271 227 349 - fax: 271 223 222
Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.